Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Link de Internet em Breves e Salinópolis recebe melhorias

  • Publicado: Quarta, 17 de Maio de 2017, 13h43

A rede de Internet dos campi de Breves e Salinópolis passam a funcionar com maior velocidade essa semana. O upgrade no link de dados foi viabilizado pelo Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC), que investiu R$ 18.000,00 nos projetos. A rede do campus de Breves passa a trabalhar com 40 MB de velocidade - anteriormente eram 6 MB - e em Salinópolis o aumento é de 2 MB para 20 MB.

Marco Capela, diretor do CTIC, chama a atenção para a mudança realizada no campus de Salinópolis. “Anteriormente, o principal link utilizado em Salinas vinha de uma operadora terceirizada. Os dados eram fornecidos por um valor muito alto, quase R$ 7 mil. Agora o campus irá passar a utilizar a rede do programa NAVEGAPARA, em parceria com a PRODEPA (Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará) por meio de um acordo de cooperação técnica”. Segundo o diretor, os upgrades nos dois links garantem a economia de mais de R$100 mil anuais. “Esse recurso será remanejado para outros investimentos na infraestrutura das redes a partir de 2018”, aponta ele.

No campus de Breves, a equipe do CTIC realizou a padronização de todos os equipamentos de TI a fim de melhorar a distribuição da rede universitária. Novos dispositivos foram instalados e dois prédios do Campus - a administração e o gabinete dos professores, ainda não inaugurados - receberam o cabeamento de fibra óptica e agora possuem conexão de Internet.

A avaliação do upgrade é positiva - O professor Ronaldo Rodrigues, coordenador do campus de Breves, reafirma a importância da melhoria: “Isso impacta na vida administrativa e acadêmica. Anteriormente, o mesmo link utilizado pela administração era compartilhado com os alunos, o que sobrecarrega toda a Internet do campus”, diz. A rede agora possui links separados; isso garante maior estabilidade e melhores condições para atender à demanda dos usuários, segundo ele. A resposta dos alunos à mudança também é positiva.

servico terceirizada

Os usuários já podem sentir diferenças na hora de utilizar a rede dos campi: o carregamento de páginas e arquivos na web é realizado com mais rapidez, o que facilita o estudo e pesquisa na Universidade e oferece maiores recursos aos professores nas aulas em laboratório.

O serviço não para por aí - “Já conseguimos atender os usuários com um tempo de resposta menor. Os serviços administrativos estão mais eficientes”, avalia Mônica Oliveira, técnica de TI do campus de Salinópolis. O upgrade garantiu a capacidade de 20MB na rede do campus. Entretanto, Mônica destaca a importância continuar melhorando os serviços: “Esperamos construir laboratórios de informática e ofertar novos cursos no campus futuramente, então nossa meta ainda é aumentar a banda. Vamos continuar trabalhando para ter as melhores condições administrativas e acadêmicas”, conta ela.

rack arrumadoOs usuários devem usufruir da rede para fins acadêmicos e administrativos - será instalado em breve no CTIC um equipamento para auditar e monitorar melhor as redes de dados dos campi. O objetivo é diminuir o uso desvirtuado da rede - quando o usuário utiliza o recurso da Universidade para fins não acadêmicos ou ilegais, como download de filmes, seriados e jogos. Marco Capela explica que a melhoria dos links em Breves e Salinópolis é realizada exclusivamente com o objetivo de estimular o estudo e pesquisa na Universidade: “a Internet irá funcionar perfeitamente, desde que seja utilizada em aulas práticas de laboratório, projetos de pesquisa e extensão e rotinas administrativas”, diz. O equipamento já foi adquirido e o CTIC aguarda a entrega até o final do mês.

Próxima etapa - Agora é a vez dos campi de Abaetetuba, Cametá, Soure e Tucuruí passarem por análise de viabilidade técnica para melhorias nos links do NAVEGAPARA. A  Administração Superior da UFPA repassou à PRODEPA inicialmente o valor de R$ 500 mil. “Esse valor é parte de um total de R$ 766 mil, firmados no acordo de cooperação técnica, o que está viabilizando as melhorias nos links via programa NAVEGAPARA”, afirma o diretor Marco Capela. Os campi de Abaetetuba e Tucuruí já possuem um orçamento para lançamento dos cabos de fibra óptica para se interligar à rede do programa. A meta é atingir a velocidade de no mínimo 40 MB em cada campi.

Cametá e Soure receberão a visita dos técnicos até o final do mês para levantamento das necessidades e elaboração de uma proposta. Após o repasse do valor total para a PRODEPA, começará a elaboração de um novo acordo para aumentar as capacidades dos links. O objetivo é chegar a uma banda com velocidades de até 100 MB.

 

Serviços:

Consulta de status dos links de dados do interior: https://www.ctic.ufpa.br/publicacoes/paginas/statusLinks.html

Tráfego de dados nos links dos campi: https://www.ctic.ufpa.br/index.php/campus-do-interior

 

Texto: Mariana Vieira - Assessoria de Comunicação do CTIC (Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação)


Fotos: Divulgação CTIC

registrado em:
Fim do conteúdo da página